EVOCANDO OS MORTOS – POÉTICAS DA EXPERIÊNCIA

(foto: Pedro Isaias Lucas)

 

INFORMAÇÕES EM BREVE! 

 

A desmontagem “Evocando os mortos – Poéticas da experiência” refaz o caminho do ator na criação de personagens emblemáticos da dramaturgia contemporânea. Constitui um olhar sobre as discussões de Gênero, abordando a violência contra a mulher em suas variantes, questões que passaram a ocupar centralmente o trabalho de criação do grupo Ói Nóis Aqui Traveiz. Seguindo a linha de investigação sobre teatro ritual de origem artaudiana e performance contemporânea a desmontagem de Tânia Farias propõe um mergulho num fazer teatral em que o trabalho autoral do ator condensa um ato real com um ato simbólico, provocando experiências que dissolvam os limites entre arte e vida, ao mesmo tempo que potencializam a reflexão e o autoconhecimento.
 

Ficha técnica
Criação da Atuadora Tânia Farias a partir de quatro personagens de espetáculos da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz / Concepção e atuação: Tânia Farias / Produção: Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz / Operação de luz: Marta Haas / Duração: 90 minutos / Recomendação etária: 16 anos

Tags:

Please reload

Porto Alegre em Cena - Festival Internacional de Artes Cênicas - poaemcena