Obediência


28/10 – 18h50

Porto Alegre em Cena Youtube


Um jogo de poder e desejo. Duas figuras: uma que domina – o poder (masculina) – e a subalternizada – o objeto de poder e desejo (feminina). A figura masculina, aquele que cria, manda e domina, sente-se ameaçado pela figura criada por ele mesmo, quando a figura objetificada apresenta vontade própria. Nessa disputa, parece que a única forma de manter o poder é aniquilar a existência de quem desobedece.

Ficha Técnica:

Autoria: Natasha Centenaro

Direção: Marina Müller Rodrigues

Orientação: Jezebel De Carli

Atuação: Gabriela Mauss e Pam Magalhães

Figurino: Franciéli Quadros

Sonoplastia: Loro Bardot

Captação de imagem e montagem: Bruna Letícia Monteiro

Edição final: Anne Plein e Bruna Johann Nery

Psicologia: Danielli Silva

Comunicação: Juliana Johann e Igor Ramos

Bastidores: Vinícius Plein

Locação: Suely de Barros

Produção: Anne Plein e Bruna Johann Nery

Assistência de produção: Fátima Plein

Produção audiovisual: Carla Cardoso Lopes e Maria Júlia Pretzel


UERGS