Co ês



Co Ês – espetáculo digital de Rui Moreira Cia de Danças - RS


27/10, 20h

YouTube Poa em Cena


Co Ês (com eles) é uma contação de história através dos gestos. A performance se constrói a partir das fantasias e memórias de um viajante, um andarilho, um “andançarino”, que são visualizadas em diversas situações do cotidiano. Relativizando os conceitos de centro, periferia, sonho ou realidade, cada lugar e cada pessoa tem sua história e a combinação de fatores e de elementos lidos como: destino, odus, hasard, sorte, constroem a grande e divina roda de Zambi - Deus Supremo na cultura Quetu.


Co Ês (com eles), faz parte do projeto investigativo de Rui Moreira sobre afrodescendência no Brasil, intitulado - Ês quis q’eu isse co ês - iniciado em 2004 a partir da Bolsa Vitae de Artes e que teve sequência no ano de 2015 com patrocínio do PRÊMIO NACIONAL DE EXPRESSÕES CULTURAIS AFRO-BRASILEIRAS Cadon/Petrobrás apoio Fundação Cultural Palmares, a partir de um projeto de colaboração com o Centro Internacional de Formação em Danças Tradicionais e Contemporâneas Africanas - École des Sables (Escola de Areias) - fundado pela dançarina e coreografa franco senegalesa Germaine Acogny, escola situada em Toubab Dialaw, na costa do Senegal. A performance teve estreia neste mesmo ano (2015) em Dacar e na sequência foi apresentada em diversas cidades do Brasil. No ano de 2021 a Rui Moreira Cia de Danças convidou Luís Ferreirah, jovem cineasta negro, gaúcho, para conceber a releitura do espetáculo na linguagem cinematográfica em locações icônicas da cidade de Porto Alegre. As imagens foram colhidas à beira do Guaíba, na Pedra Redonda, na Praça da Alfandega, na Rua dos Andradas, no também conhecido como calçadão da Rua da Praia e na Vila Bom Jesus no campo do Panamá, sede da escolinha de futebol deste bairro. Rui Moreira, idealizador, diretor geral e intérprete criador desta performance, é artista da Dança desde 1981. Brasileiro, original de São Paulo, morou em Belo Horizonte – Minas Gerais, Lyon – França e desde 2016 reside em Porto Alegre – Rio Grande do Sul. É Investigador de linguagens expressivas e tem como principal foco de atenção o diálogo envolvendo corpos, culturas e memórias utilizando se destes elementos como dispositivo para as suas pesquisas de criação. Atua como bailarino intérprete criativo e criador, coreógrafo, gestor de projetos e curador.


FICHA TÉCNICA

Espetáculo:

Co ês (com eles)

Intérprete criativo e criador

Rui Moreira

Direção coreográfica

Patrick Acogny

Residência Criativa

Ecole des Sables/ Toubab Dialaw – Senegal


Direção Geral

Rui Moreira

Filme

Fotografia, Captação, edição e montagem

Luís Ferreirah

Direção de Produção audiovisual

Luís Ferreirah

Making Off

Jade

Apoio Porto Alegre

Produção executiva

Marise Siqueira


Apoio Belo Horizonte

Bianca Arenque Moreira

Rui Arenque Moreira

Trilha Sonora

Mixagens Studio Murillo Corrêa - Rui Moreira

Oficina de Criação Musical direção Cláudia Cimbleris

Música: Para onde vão os trilhos

Ryuichi SAKAMOTO

Músicas: Persuasion, Prostitute e Assassination


Mateus Bahiense

Música: Percussão Africana

Dhafer Youssef

Música: Electric Sufi

Neném Menezes

Música: Estudo No 20

Produção Geral

Humanitas Arte e Cultura/Rui Moreira Cia de Danças

Co produção

FESTIVAL DE SOLOS ON LINE

BR Produtora (Lei Aldir Blanc Campinas SP)


foto: Murillo Corrêa

Tags: